DOENÇAS DO CORPO X DORES DA ALMA

Assim como qualquer forma de transmissão de energia precisa de um aparelho para se expressar, o Ser Humano também necessita. O corpo físico é um aparelho que transmite o que se passa nos planos mais profundos do Ser.

Através da expressão do corpo podemos decodificar o que se passa na nossa alma. Quando o conjunto consciente/inconsciente funciona em harmonia, o corpo físico apresenta saúde e vivacidade. Quando há discordância entre os dois, vão aparecer mensagens ou sinais de alerta.

Basicamente podemos observar três tipos de sinais de alerta:

1. Tensões Psicológicas:

Sensação de desagrado ou desconforto emocional, podem se expressar por Tensões Musculares (dores lombares, dorsais, etc..), Dificuldades Digestivas (gastrites, refluxos, etc..), Distúrbios do Sono (insônia, pesadelos,etc..). Neste primeiro nível de sinal de alerta, é o seu Eu Interior batendo na janela para avisar a sua Mente que tem obstáculos no caminho.

2. Traumatismos no Corpo: é o segundo sinal de alerta, é a busca de solução por parte do inconsciente. É uma mensagem mais enfática do que a anterior, mas ainda é um modo de comunicação aberta. É o seu Eu Interior batendo mais forte e quebrando a janela para chamar a atenção da sua Mente para o problema existente. O objetivo é dar um intervalo para a  pessoa, faze-la parar, deter o seu ritmo para que ela possa compreender o que está acontecendo e mudar. Também é a tentativa de descarregar a energia tensional criada pela discordância interna consciente/inconsciente.

Choques, contusões, entorses, fraturas, etc…, vão surgir num ponto bem específico do corpo, afim de estimular as energias que circulam neste ponto. A lateralidade vai fornecer informações mais precisas sobre o que se passa internamente. Exemplo: Membros Superiores: estão ligados ao agir, ao fazer. É através deles que nós podemos nos expressar fazendo alguma coisa. Os problemas traumáticos nesta área, irão nos falar da nossa dificuldade para agir em relação a alguma coisa ou alguém. Membros Inferiores: eles possibilitam a nossa locomoção para frente, trás, lado e também caminhar em direção aos outros. Estão ligados a nossa mobilidade na vida. Os males relacionados aos membros inferiores nos falam da dificuldade de avançar ou recuar em relação ao mundo ou a alguma pessoa específica.

Yara Lorenzetti – diretora Geral do Hari Om (www.hariom.com.br )

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

De volta á escrita

Compartilhar

Algumas mudanças